europa

Lições que aprendi com outras mulheres que viajam sozinhas

Quando encontro outra mulher viajando sozinha, ela geralmente vem cheia de histórias que me inspiram a seguir na estrada.

Convido você a olhar as mulheres à sua volta e a valorizar suas características mais interessantes, a se inspirar nelas e aproveitar sua força para se tornar a mulher que você quer ser!

Para começar esse exercício, divido nesse post as histórias e lições de mulheres viajantes que conheço pessoalmente e admiro!

Viagem literária pela Rússia

Minha amiga Luísa Brasil, que é jornalista e advogada, fez uma viagem pela Rússia com um foco em especial: as residências e monumentos aos escritores russos. Ela foi com o namorado (marido? Namorido?), uma viagem de 15 dias durante o mês de agosto (verãozão russo!).

Essa viagem literária da Lú e seu namorido Pedro foi tão legal que ela concordou em escrever pro blog contando tudo! Neste post, confira esse email de viagem e inspire-se para visitar a Rússia na companhia de seus autores russos preferidos.

Notas de uma peregrina sobre o Caminho de Santiago de Compostela

Cristiana Brandão, a Cris, é uma amiga singular, dessas que cava, cava, cava até encontrar o que procura, que não desiste dos próprios sonhos e ainda sim sabe ser maleável e aberta a mudanças de rumo quando necessário.

Ela acabou de voltar de uma peregrinação pelo Caminho de Santiago de Compostela e foi muito generosa de compartilhar sua experiência com o blog!

Este texto vale ouro, leia com cuidado, compartilhe com os amigos andarilhos e inspire-se!
Eu já estou pensando nas botas que vou precisar comprar pra fazer a viagem, hehehe…

Me perdi pelos caminhos que levam a Roma

Minha passagem por Roma não durou mais que 16 horas. Eu estava entre uma viagem de trem noturno e outra e não pude barganhar nem uma hora a mais na cidade. O que fazer em Roma na minha visitinha rápida? O que seria essencial?

Aqueles ônibus de turismo que te levam pra mil lugares não são a minha praia. Descartei. Li diversos artigos sobre Roma na internet, folheei alguns guias rápidos, perguntei sobre os pontos imperdíveis da cidade a amigos que já tinham ido pra lá. Essa pesquisa só me fez ter mais e mais raiva por não conseguir estender minha passagem pela capital italiana.

Decidi que não ia me estressar com nada. De que adiantaria correr? Não era assim que eu queria incluir Roma da minha “lista de cidades que já conheço” (que não existe assim desse jeito, mas existe, sabe como é). Não seria dessa vez que eu conheceria Roma, as 16 horas seriam apenas uma missão de reconhecimento.

Dicas para caçar a aurora boreal na Escandinávia

Para quem sonha em ver as luzes dançantes da aurora boreal, não existe tempo frio demais nem euro alto demais que não possa ser contornado por muito planejamento (e poupança!).

Fernanda Didini e Flávio Pessoa compartilharam com o blog como foi o planejamento e a viagem em um email super fofo de viagem com fotos incríveis que tirou por lá! Espero que ajude você a planejar a sua viagem e que também tenha a sorte de ver essas luzes mágicas! Eu já estou sonhando com elas desde que recebi o texto…

Vá a Berlim no verão

Amanda Luz, jornalista e minha amiga, viveu em Berlim de Abril de 2012 a Agosto de 2013. Ela passou dois verões e um inverno rigoroso na capital da Alemanha e enviou um e-mail completíssimo com tudo que ela recomenda na cidade.   Ainda que as dicas dela possam ser seguidas em qualquer época do ano, Berlim no verão é uma cidade bastante diferente do que nas outras estações: os alemães saem pras ruas mais alegres e abertos, dá pra andar tranquilamente de bicicleta para todas as partes e a cidade oferece programação cultural ainda mais extensa do que o usual.

Cheira bem, cheira a Lisboa

Inaugurando uma nova série do blog sobre emails de viagem, a minha amiga e jornalista Danielle Pinto encaminhou uma mensagem que escreveu sobre Lisboa, cidade que mora em seu coração. Compartilho com todos, espero que as dicas inspirem a planejar a sua ida à capital de Portugal!

Rolar para cima